quarta-feira, 27 de junho de 2012

Discovering Europe: FAQ

Andei muito nesse trem.... Estação de trem Frankfurt Airport.
É meio estranho pensar nisso tudo e usar o passado pra contar o que fiz, pois há um tempo atrás, eu só pensava nas coisas incríveis que iria fazer, quando estava lá, eu pensava nas coisas legais que estava fazendo, e o quanto elas estavam passando rápido ou lento demais... Agora, olho para traz e vejo um borrão tão longo e tão curto ao mesmo tempo que me deixa um tanto confusa, triste e feliz por estar de volta. Acho que foi tudo muito curto porque eu queria muito mais, mas ao mesmo tempo são tantas as coisas que tenho pra falar, pra dividir, fotos para mostrar, que me dá preguiça, e saudade ao ver tudo isso. Talvez por isso e pela falta de tempo eu não falei sobre isso por aqui.

Eu teria que começar de alguma maneira, então fiz uma FAQ (perguntas frequentes) sobre a minha viagem. Algumas coisas que me perguntam tipo muito e que eu queria falar logo caso vocês se perguntem algumas coisas enquanto falo aqui. Se alguma informação lhe parece boba, ou você já saiba, passa pra próxima, pois sempre tem gente com dúvidas ou querendo saber de alguma coisa. :D

Do que eu precisei para viajar para a Europa?

Pode ser que eles te peçam ou não essas coisas (só me pediram o passaporte mesmo), mas é sempre bom levar tudo para mostrar que está dentro dos conformes, não é mesmo?·        

  • Passaporte.
  • Passagem de volta. (até 90 dias para turismo).  
  • Comprovação de recursos para ficar lá. (Cerca de 60 euros por dia).
  • Seguro Saúde. 
  • Reservas de Hotéis (ou carta convite se for ficar na casa de alguém).
  • Autorização da mãe para viajar sozinha com o pai.
Como foi na imigração?

Quando cheguei na Alemanha foi bem tranquilo. Ele só me perguntou quanto tempo eu ficaria na União Européia, o motivo da viagem e se eu já tinha ido para a Europa, e só pediram o passaporte mesmo.
Já em na imigração Inglesa (mesmo de trem, é necessário passar por isso para entrar na Inglaterra), eles fizeram várias perguntas (além das que me perguntaram na Alemanha, perguntaram a companhia aérea que eu fui, a que eu ia voltar, por onde eu ia voltar, onde eu ia ficar lá...), e foi bem mais chato que na Alemanha, mas conseguimos entrar sem mais problemas.

Quantos dias eu passei?

37 dias, contando com a viagem de ida e de volta.

Para onde eu fui?

Cheguei por Frankfurt e peguei logo o trem para Colônia. Lá, eu fui um dia em Amsterdam e voltei de noite. Quando saí de Colônia, passei em Nuremberg antes de chegar em Munique, onde visitei Füssen e Dachau e voltei no mesmo dia. Depois, fui para Stuttgart, e Zurique. Saí de lá e fui para Lucern, só para pegar o trem para fazer um passeio panorâmico pelos Alpes (coisa do meu pai), nesse passeio parei em Interlaken e Montreaux, onde fui para Milão. Fui para Bologna, e de lá fui um dia para Maranello, um dia para Veneza e Verona, e quando saí de lá, passei em Pisa e Florença antes de chegar em Roma, onde de lá eu visitei Pompéia. Peguei um avião de Roma para Viena, de lá visitei Bratislava, voltei e fui para Praga. Fui para Berlim, e depois passei em Bruxelas e Brugge, antes de ir para Londres. De Londres fui para Paris e depois Frankfurt, onde peguei o avião para o Brasil. Ao todo fui em 9 países.

Fui em excursão ou sozinha?

Não viajei em grupos de excursão, nem em empresa alguma.  Compramos passagens avulsas e reservamos hotéis por conta própria aqui em Maceió até o meio da viagem. Depois íamos reservando os hotéis no meio do caminho mesmo, antes de chegar nele, e comprando as passagens de trem nas máquinas na hora da viagem.

Viajei de que?

Depois de chegar lá de avião, todo o nosso percurso foi de trem, e de vários tipos. Exceto a viagem de Roma para Viena, pois era longe e não compensava ir de trem, então pegamos um avião low cost.

Como levei dinheiro?

Levamos metade em dinheiro vivo e a outra metade no Visa Travel Money. Para quem não sabe, é um cartão recarregável para se usar no exterior, e se você quiser mais alguma coisa é só pedir para alguém recarregar aqui no Brasil. Você pode usar tanto como um cartão de débito, ou sacar por lá. Levamos também alguns cartões internacionais. Eu recomendo levar os três. Se quiser fazer o cartão, procura saber na internet sobre, é bom levar no caso da grana viva faltar, e caso roubem ou você perca o cartão, dá pra recuperar a grana.

O quanto eu gastei ao todo?

Isso é muito difícil de calcular. Antes de ir, já tínhamos pagado várias coisas da viagem, e depois da viagem, aqui no Brasil, ainda estamos pagando várias outras coisas. E outra, isso depende muito do que você contar como viagem. Roupas para a viagem contam? E presentes? Compras contam? Não sei. Por isso, não tentamos e nem vamos tentar calcular esse valor. Mas antes de viajarmos tínhamos calculado uns 30 mil ao todo. Se deu essa quantia? Não faço a menor ideia.

Se alguém quiser saber alguma coisa, tanto sobre a minha viagem ou viagens na Europa em geral, pode perguntar, ok? Não sou nem de longe uma experiente nisso, mas o que eu puder ajudar, eu ajudarei. :D

2 comentários:

  1. Algumas coisas eu já sabia, como do que levar, por exemplo. Mas isso esplandeceu minha mente sobre viagens hehe
    Amei o post!
    Beijos
    Diário Ciumento

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Mari, eu já sabia desde o início que algumas informações seriam meio "bestas" para algumas pessoas, mas vale. Que bom que você gostou do post!

      Excluir

Dê seu pitaco!